Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/684
Título: “O ALIENISTA”: UMA INTERLOCUÇÃO ENTRE A LITERATURA CLÁSSICA E O SISTEMA PENAL BRASILEIRO
Autor(es): Souza, Igor Lênin Faria de
Primeiro Orientador: Paródia, Mariane Silva
Palavras-chave: Sistema Penitenciário Brasileiro;Encarceramento;Ressocialização;Racismo
Data do documento: 18-Mai-2021
Editor: Fundação Educacional de Lavras
Resumo: Apresenta um paralelo interpretativo da obra de Machado de Assis, “O alienista”, de 1882, com a realidade do sistema penal brasileiro. Objetivos: analisar a estrutura socioeconômica brasileira, relacionando o enredo da obra “O alienista”, a realidade do nosso país, conceituando “violência”, a fim de compreender como ela nasce e como deve ser combatida; Entender “Alienação” e como ela se apresenta na atualidade. Metodologia: Análise de textos e obras jurídicas e psicossociais, de autores reconhecidos, a fim de se relacionar com os ensinamentos da obra de Machado de Assis. Resultados e conclusões: Evidenciou que o Sistema Penal brasileiro não funciona como deveria, pois foi criado com a finalidade divergente da que exerce hoje, funcionando como aparelho ideológico e repressivo do Estado moderno. O trabalho deixa demonstrado que o sistema penal brasileiro se baseia em uma estrutura histórica de repressão de pessoas diferentes, diferentes daqueles que decidem, do alto escalão da administração pública, visando encarcerar aqueles que não se submetem as normas impostas.
URI: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/684
Aparece nas coleções:TCC-Direito

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC Igor Lênin Faria de Souza.pdf675.52 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.