Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/807
Título: PERCEPÇÃO E ENVOLVIMENTO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE DA ATENÇÃO PRIMÁRIA NO CONTEXTO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANES E SUAS FAMÍLIAS
Autor(es): Sales, Samantha Aparecida Lino
Primeiro Orientador: Andrade, Rosyan Carvalho
Palavras-chave: Crianças com Necessidades Especiais de Saúde;CRIANES
Data do documento: 19-Nov-2021
Editor: Fundação Educacional de Lavras
Resumo: Crianças e adolescentes com necessidades especiais de saúde (CRIANES) apresentam condições clínicas que requerem tratamento e acompanhamento de saúde contínuos e especializados. A atuação do profissional de saúde da atenção primária neste cenário é essencial, porém, nem sempre as famílias recebem a assistência que necessitam. Objetivo: Conhecer a percepção e o envolvimento de profissionais de saúde da Atenção Primária na assistência às CRIANES e às suas famílias. Método: Estudo descritivo com abordagem qualitativa, que entrevistou 19 profissionais da atenção primária de um município no sul de Minas Gerais, por meio de entrevistas individuais semiestruturadas, que foram submetidas à análise de conteúdo. Considerações Éticas: A aprovação ética foi obtida sob protocolo CAAE 14150819.8.0000.5116 e todas as questões éticas foram respeitadas. Resultados: Participaram sete enfermeiros, 11 técnicos/auxiliares de enfermagem e um psicólogo. Os resultados foram agrupados em cinco categorias: (i) visão sobre as CRIANES; (ii) envolvimento na assistência; (iii) transferência de responsabilidade; (iv) necessidade de capacitação da equipe; (v) necessidade de adaptação estrutural. Os profissionais de saúde apresentam conhecimento superficial e estereotipado sobre as CRIANES, com visões e atitudes capacitistas. Os resultados deste estudo também evidenciam que os profissionais acreditam que a assistência às CRIANES é responsabilidade dos setores secundário e terciário. Muitos deles justificam seu distanciamento devido a uma demanda por treinamento e capacitação na área e à falta de estrutura física adequada e adaptada nas instituições. Conclusões: Este estudo mostra como as CRIANES são percebidas na atenção primária e como tem sido a atuação da equipe de saúde neste contexto, apontando para a importância de maior visibilidade e atenção a elas. Implicações para enfermagem: Os resultados fornecem subsídios para o planejamento de intervenções de enfermeiros e gestores da saúde para que sensibilizem e capacitem suas equipes nesta área, de forma a assistir integralmente e longitudinalmente às CRIANES e às suas famílias.
URI: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/807
Aparece nas coleções:TCC-Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC Samantha Sales.pdf422.4 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.