Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/324
Título: EFEITOS DO MÉTODO PILATES EM ATLETAS DE ALTO RENDIMENTO
Autor(es): Gouveia, Andressa Murari
Primeiro Orientador: Lunkes, Luciana Crepaldi
Palavras-chave: Atletas;Lesão;Esportes;Pilates
Data do documento: 13-Set-2019
Editor: Fundação Educacional de Lavras
Resumo: O método pilates diferencia-se de outros tipos de exercícios pela sua abordagem global, que beneficia a fisiologia do corpo que combina com a mente, buscando alcançar o correto alinhamento corporal. Envolve técnicas de exercícios de condicionamento físico e mental, que visam trabalhar força, alongamento e flexibilidade, mantendo as curvaturas do corpo e tendo o abdômen como centro de força. O esporte exige dos atletas fatores como controle motor e conhecimento adequado do gesto esportivo, e quando de alto rendimento envolve atividades que exigem excelentes níveis de preparação física e mental, sendo bastante desgastante. A prática intensa do esporte provoca um aumento considerável nas incidências de lesões nos tecidos, provocando dor e baixo desempenho físico do atleta, gerando um alto estresse. Objetivos: Analisar os efeitos do método pilates na dor, risco de lesões e reação ao estresse crônico no esporte em atletas de alto rendimento. Método: A amostra foi composta por 12 atletas da Seleção Brasileira de ginástica aeróbica (alto rendimento), a qual realiza seus treinamentos no Departamento de Educação Física (DEF) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), selecionados de acordo com os critérios de inclusão e exclusão. Utilizou-se: Ficha de avaliação Pilates; Questionário de prontidão para o esporte com foco nas lesões musculoesqueléticas (MIR-Q); Versão brasileira do Questionário McGILL de dor (Br-MPQ) e Questionário de Burnout para atletas (QBA). Os atletas foram submetidos a um programa de exercícios de pilates no solo em 8 semanas e 3 sessões semanais, de 45 minutos. Ao final, todos os questionários foram reaplicados. Resultados: A amostra final foi composta por 8 atletas com idade média de 22,4 anos (±4,6), de ambos os sexos. Quando questionados acerca dos objetivos com a prática do método pilates, 87,5% dos atletas tinham como objetivo melhora postural e reabilitação, 75% melhora da mobilidade articular e prevenção, 50% melhora do equilíbrio, tratamento, flexibilidade e força muscular e 37,5% melhora da qualidade de vida e condicionamento. Em relação ao histórico familiar, estava, a Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS), o diabetes (62,5%) e as disfunções respiratórias (37,5%), além do alcoolismo (25%) e hipotireoidismo (12,5%). Após as 8 semanas, observou-se melhoras significativas na avaliação funcional (p= 0,011), isometria anterior e posterior (p=0,012), isometria prancha lateral direita e esquerda (p=0,011), Questionário McGILL de dor (Br-MPQ) (p=0,042) e Questionário de Burnout para atletas (QBA) (p=0,011). Apenas o MIR-Q não foi significativo, ou seja, permaneceu o mesmo antes e depois das sessões aplicadas (valor de p>0,05). Conclusão: O programa de exercícios teve efeitos significativos na funcionalidade, melhora da dor e reação ao estresse crônico no esporte em atletas de alto rendimento. Para o risco de lesão não foram encontrados resultados significativos.
abstract: The Pilates method differs from other types of exercise in its overall approach, which benefits the body physiology that matches the mind, seeking to achieve correct body alignment. It involves physical and mental exercise techniques that aim to work on strength, stretching and flexibility, maintaining body curvatures and having the abdomen as the center of strength. Sport demands from athletes factors such as motor control and adequate knowledge of the sportive gesture, and when high performance involves activities that require excellent levels of physical and mental preparation, being quite exhausting. The intense practice of sports causes a considerable increase in the incidence of tissue injuries, causing pain and poor physical performance of the athlete, generating high stress. Objectives: To analyze the effects of the pilates method on pain, injury risk and reaction to chronic stress in sport in high performance athletes. Method: The sample consisted of 12 athletes from the Brazilian aerobic gymnastics team (high performance), who perform their training at the Department of Physical Education (DEF) of the Federal University of Lavras (UFLA), selected according to the inclusion criteria. and exclusion. It was used: Pilates evaluation form; Sport readiness questionnaire focusing on musculoskeletal injuries (MIR-Q); Brazilian version of the McGILL Pain Questionnaire (Br-MPQ) and Burnout Questionnaire for Athletes (QBA). The athletes underwent an 8-week ground pilates exercise program and 3 weekly 45-minute sessions. In the end, all questionnaires were reapplied. Results: The final sample consisted of 8 athletes with an average age of 22.4 years (± 4.6) of both sexes. When asked about the goals using the pilates method, 87.5% of the athletes aimed to improve posture and rehabilitation, 75% to improve joint mobility and prevention, 50% to improve balance, treatment, flexibility and muscle strength, and 37, 5% improvement in quality of life and conditioning. Regarding family history, there were Systemic Arterial Hypertension (SAH), diabetes (62.5%) and respiratory dysfunction (37.5%), as well as alcoholism (25%) and hypothyroidism (12.5%). After 8 weeks, significant improvements were observed in functional assessment (p = 0.011), anterior and posterior isometry (p = 0.012), right and left lateral plank isometry (p = 0.011), McGILL Pain Questionnaire (Br-MPQ) (p = 0.042) and Burnout Questionnaire for Athletes (QBA) (p = 0.011). Only the MIR-Q was not significant, ie it remained the same before and after the applied sessions (p value> 0.05). Conclusion: The exercise program had significant effects on functionality, pain improvement and reaction to chronic stress in sport in high performance athletes. For the risk of injury no significant results were found.
URI: http://localhost:80/jspui/handle/123456789/324
Aparece nas coleções:TCC-Fisioterapia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC Andressa Murari.pdf1.46 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.